São Paulo ganha de Oscar na Justiça, que condena meia-atacante a pagar R$ 9 mi

Postado em

Jeremias Wernek e Renan Prates
Do UOL, em Porto Alegre e em São Paulo

O São Paulo derrotou o meia-atacante Oscar, do Inter, na Justiça do Trabalho. O Blog do Birner teve acesso à decisão do juiz e informou que o jogador foi condenado a pagar R$ 9 milhões ao Tricolor, pois considerou que ele pediu demissão do clube.

Oscar ganhou na Justiça do Trabalho o direito de sair do São Paulo e acertar com o clube que bem entender. O meia-atacante decidiu se transferir para o Inter, que não teve que pagar nenhum centavo para o Tricolor por isso.

O advogado do São Paulo, Kalil Rocha Abdalla, disse desconhecer qual foi a decisão do juiz. Ele falou que o clube está a espera da publicação do acórdão para comunicar tanto para a CBF quanto para a Conmebol que o contrato do Oscar com o Inter não tem mais validade.

“O julgamento é verbal. Depois eles redigem, pegam o rascunho que tem, julgam e fazem por escrito, aí sai a sentença, o acórdão, que pode ser publicado amanhã, depois, o dia q eles quiserem. Na publicação sairá as regras do negócio, como faz: se ele volta ou paga a multa”

Oscar já foi comunicado, o Inter também. O clube gaúcho ainda não se manifestou sobre o caso. O agente garante que ele não volta para o São Paulo. E que o contrato com o Inter não muda em nada.

“O jogo está 1 a 1. Agora vamos recorrer, levar o caso para Brasília. Mas isso não afeta em nada o contrato dele com o Inter. O que pode acontecer é uma vitória deles em Brasília. Aí, o Oscar paga uma multa”, falou Carlos Meinberg Neto. “A possibilidade de voltar ao São Paulo é zero, não existe”, decretou.

Oscar deixou o São Paulo em meados de 2010. Foi direto para o Inter e lá, ganhou a Libertadores. Fez parte da delegação no Mundial de Clubes, mas virou titular só no ano seguinte. Em 2011, aliás, ele foi peça-chave do time para conquista da Recopa Sul-Americana e de uma vaga na Libertadores desta temporada.

Na metade do ano passado, Oscar renovou contrato com o Internacional até 2015. Especulado como possível desejo de grandes da Europa, o meia de 20 anos foi alçado ao meu status de Leandro Damião no Beira-Rio: inegociável.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s